Este senhor tem uma casa de sonho! Quando vi o seu interior, fiquei sem palavras!


Quem nunca sonhou, ter uma casa de sonho? pois bem todos nós! Infelizmente nem todos conseguimos ou temos a possibilidade de os realizar. Já Stephen Fisher, um australiano bem sucedido, e sua esposa não podem dizer o mesmo… Eles tem a casa com que todos nós sonhamos.

Stephen Fisher,sempre quis um lugar que “representasse o clima tropical”, então, em 2009 mais propriamente em Sentosa Cove, Singapura, e com a ajuda do gabinete de arquitectura Guz Architects, ele construiu o seu castelo. Ou melhor: sua casa na piscina!  Sim… piscina!

O que era a casa modesta de um pescador é agora uma mansão com mais de 5000 metros quadrados (ou mais de 6500 contando com o jardim) com nada menos que 250 mil litros de água.

É possível admirar a vista do mar ou da piscina em qualquer quarto da casa, o que dá um espírito aquático à casa.

Construída para ser sustentável e ecológica, a casa é feita de madeira, ferro e vidro. Com uma forma aberta, ela é naturalmente ventilada para combater o clima quente e húmido. Stephen e a sua família podem mergulhar de qualquer lugar directamente para a piscina!

Com três quartos, três wc, várias áreas de lazer, e varandas acima e abaixo do nível da água, há vários lugares para mergulhar na atmosfera relaxante.

O telhado curvo relembra as ondas do oceano, ampliando a ideia de “casa marinha” e integra painéis solares. O telhado é coberto com relva. Mas talvez o melhor seja a sala de estar: ela é debaixo de água, como se fosse um quarto dentro de um aquário gigante! Você não se vai surpreender ao saber que a casa foi seleccionada como uma das mais relaxantes do mundo.

Divirta-se fazendo um tour virtual neste vídeo:

Essa criação extraordinária tem um preço. Só a piscina custou cerca de 2 milhões de dólares. Mas o melhor de casas experimentais como essa é que as ideias criativas (e caras) que Stephen e a Guz Architects tiveram agora servem de inspiração para todos. Não fique chocado ao ver ideias sustentáveis se espalharem cada vez mais e até ficarem mais baratas. Quem sabe não podemos sonhar alto no final das contas?

Faz gosto na nossa página de facebook:


Artigos Relacionados: